Buscar
  • Ivan Kleber

ALFAIATE DE 89 ANOS VIRALIZA NA NET AO FAZER VÍDEO RECLAMANDO QUE PANDEMIA ACABOU SEU COMÉRCIO




Em um vídeo que ganhou as redes sociais, Odiney Pedroso, 89, chega a chorar ao contar que sua alfaiataria, na Vila Romana, zona oeste de São Paulo, vendeu apenas seis camisas nos últimos quatro meses, por causa da crise do coronavírus. Antes, vendia de 20 a 25 por mês.

.

Mas graças à ajuda de um morador da região e conhecido de “seu Pedroso”, o alfaiate passou a receber tantas encomendas que agora mal dá conta do trabalho. Após assistir ao vídeo, um internauta resolveu também organizar uma vaquinha. Até está quinta-feira (30), a vaquinha já havia arrecadado quase R$ 24 mil.

.

70 ANOS DE PROFISSÃO

.

Seu Pedroso produz há mais de 70 anos camisas personalizadas com bordados a mão. Com a pandemia, as vendas caíram, e a loja acabou acumulando dívidas.

.

“Tive que ir até o banco para tentar um empréstimo de R$ 1.800, um dinheiro que seria suficiente para pagar todas as despesas”, conta. Ele diz que o banco não quis emprestar o dinheiro por causa da sua idade.

.

Dono de um posto de combustível na vizinhança, Renato Dias conta que soube da história ao encontrar seu Pedroso no local. Dias é neto de um amigo de longa data do alfaiate.

.

“Só o fato de ele ter quase 90 anos e chegar dirigindo já me chamou atenção. Perguntei se estava tudo bem, se ele estava se cuidando. Ele disse que sim, mas que a pandemia acabou com o negócio dele. Eu me impressionei porque, além de dirigir, ele ainda trabalha”, disse.


105 visualizações0 comentário