Buscar
  • Ivan Kleber

Após explosão de casos de dengue em Goiânia, governo decreta situação de emergência.

A Prefeitura de Goiânia decretou situação de emergência em saúde pública em razão da escalada do número de casos de dengue. A cidade é a capital brasileira com o mais casos notificados, conforme boletim do Ministério da Saúde, inclusive com “elevado número de casos graves e aumento de óbitos”.

De acordo com dados da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), houve aumento de 1.562% nos casos notificados da doença em relação ao mesmo período do ano passado, o que a gestão de Goiânia considerou como “situação anormal”.

Por meio do decreto, o município pode comprar materiais e insumos de forma mais rápida e contratar servidores temporários para ajudar no combate combate ao mosquito.

Segundo a SMS, somente neste ano foram notificados 22.575 casos de dengue, sendo 35 considerados graves e três mortes.

Todas as regiões de Goiânia têm alto risco da doença, com a maior concentração dos casos nas regiões Noroeste e Sudoeste, com 2,6 mil e 2,3 mil, respectivamente. Ainda segundo a pasta, além dos casos graves e mortes, outras 18 são investigadas.

“A Secretaria Municipal de Saúde verificou, ainda, que no primeiro trimestre de 2022 a taxa de positividade para dengue superou o percentual de 87%, o que corresponde a 6.856 amostras testadas, sendo 5.996 positivas”, destacou a SMS.


0 visualização0 comentário