Buscar
  • Ivan Kleber

EM VALPARAÍSO, TENTOU MATAR A ESPOSA E FOI PRESO




*🚨🚨🚔🚔 POLÍCIA CIVIL DE GOIÁS EM AÇÃO*🚔🚔🚨🚨


*5 DRP Luziânia*


*DEAM DE VALPARAISO DE GOIÁS-GO*


*PRISÃO EM FLAGRANTE*


Nesta quinta-feira, 03 de dezembro de 2020, a Polícia Civil, por meio da equipe da DEAM de Valparaiso de Goiás, prendeu em flagrante autor de feminicídio tentado.


Após discutir com sua companheira, motivado por ciúmes, o autor a agrediu com chutes e socos. Ato continuo, pegou uma faca e ameaçou a vítima, dizendo que a mataria. A mãe do autor se colocou entre ele e a vítima, para evitar que o pior acontecesse. Mesmo com a intervenção de sua mãe, o autor desferiu um chute na vítima, derrubando-a sobre uma porta de vidro. Com o impacto, a porta quebrou sobre a vítima, que sofreu cortes na cabeça e no braço. Assustada, a vítima imediatamente se levantou e saiu do local correndo.


O autor, em seguida foi até a casa da mãe da vítima. Na ocasião, ameaçou sua sogra, diante da negativa dela de dar notícia sobre a filha, a qual havia se dirigido ao hospital local depois das agressões.


Após receber atendimento médico, a vítima compareceu na DEAM de Valparaíso, acompanhada de sua irmã e sua mãe.


Nesta Especializada, relataram um preocupante histórico de violência doméstica, com outras agressões físicas e ameaças.


Considerando a situação flagrancial, após o registro da ocorrência e a formalização de pedido de medidas protetivas, os policiais diligenciaram até a residência da vítima e do autor, onde o encontraram e o prenderam em flagrante.


Encaminhado à Delegacia e cientificado dos seus direitos constitucionais e legais, o autuado confessou a briga e as agressões. Negou, porém, que ameaçou a vítima com uma faca.


O investigado foi autuado pela prática dos delitos tipificados no art. 121, parágrafo 2, inciso VI, c/c art. 14, inciso II, bem como no art. 147, todos do Código Penal, na forma da Lei Maria da Penha.


Após a lavratura do auto de prisão em flagrante, ele foi recolhido ao presídio municipal


Policiais que participaram da prisão e da lavratura do flagrante: Agentes Cláudio Araújo e Hélio Marreiros; Escrivã Quezia Mattos; Delegado Pedro Henrique Teixeira.


255 visualizações0 comentário