Buscar
  • Ivan Kleber

MULHER É PRESA APÓS FAZER RIFA DE SERVIÇOS PRESTADOS POR UMA PROSTITUTA



Uma mulher foi presa em flagrante por sortear serviços de prostituição por meio de rifas virtuais em Salvador, na Bahia. A prisão ocorreu na noite da última quarta-feira (1º/09) em um bairro nobre da capital baiana.


A mulher foi detido durante uma operação da Polícia Civil, que desmontou uma casa de prostituição. A Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca) recebeu denúncias de exploração sexual infanto-juvenil no local. Entretanto, a corporação não encontrou crianças ou adolescentes no local.


A polícia informou que a mulher, que não teve o nome divulgado, negociava as vítimas de exploração sexual através de rifas virtuais. Quem fosse sorteada, era obrigada a se prostituir. Além das mulheres, a rifa também oferecia garrafas de uísque.


Todo o esquema era divulgado em um perfil do prostíbulo nas redes sociais. A polícia destaca que as mulheres ainda eram objetificadas. Seis garotas de programas foram encontradas no local.


A polícia ainda apreendeu R$ 32 mil, 100 euros e 277 dólares, além de folhas de cheque. A prática de exploração sexual ficou configurada após os policiais encontraram maquinas de cartão de crédito, cadernos com anotações do movimento e documentos das mulheres.


A mulher passou por exames de lesões no Instituto Médico Legal (IML) e está à disposição da Justiça. A operação contou com o apoio do Núcleo de Inteligência (NI) do Departamento de Polícia Metropolitana (Depom). As investigações seguem para saber se há exploração sexual de crianças e adolescentes no local.

85 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo