Buscar
  • Ivan Kleber

Suspeito de matar adolescente de 15 anos em festa no DF se apresenta à polícia.

Um dos suspeitos de esfaquear e matar o adolescente Lucas Guilherme, 15 anos, em um baile funk se apresentou, na noite desta segunda-feira (18/4), à 24ª Delegacia de Polícia (Setor O) para ser ouvido sobre o caso. O crime ocorreu na noite de sábado (16/4), na Chácara Capricho, em Ceilândia, e é tratado como homicídio, inicialmente. Os investigadores ainda ouvem testemunhas e parentes da vítima, na tentativa de descobrir o motivo do assassinato.


Lucas foi atingido com golpes no pescoço e no tórax e morreu no local do crime. Vídeos que circularam nas mídias sociais mostram o momento em que o adolescente aparece caído ao chão, ferido e é socorrido por amigos. Familiares da vítima afirmaram à polícia que, antes de sair de casa, o jovem disse que iria para o trabalho, em uma lanchonete. No entanto, foi ao evento, acompanhado de três colegas.

Á reportagem, Francilene Nunes, 46, tia de Lucas, contou que o jovem teve a corrente roubada por um grupo, mas permaneceu na festa mesmo depois do assalto. Pouco depois, a vítima avistou um dos suspeitos de cometer o crime e indicou para um amigo. Nesse momento, foi segurado por um homem e esfaqueado. "Ele foi encontrado sem blusa, sapatos, celular e boné. Só estava de bermuda", contou Francilene.

CEILÂNDIA


Lucas Guilherme foi morto em uma festa no Incra 9, na noite de sábado (16/4). O jovem teve objetos pessoais roubados e foi morto a facadas. Suspeito que esteve na delegacia já havia sido identificado, segundo a polícia.




0 visualização0 comentário