Buscar
  • Ivan Kleber

TRIBUNAL DE CONTAS MANDA PREFEITOPÁBIO DEVOLVER GCMS PARA SEUS CARGOS



Querendo mostrar serviço para a comunidade, o Prefeito de Valparaíso e seus assessores meteram os pés pelas mãos na criação e implantação da Guarda Civil metropolitana da cidade.


Sem muitos projetos e quase sem obras para mostrar a população, sobrou para o Prefeito de Valparaíso a criação da tão sonhada Guarda Municipal.


Só que a forma adotada para a criação da instituição foi totalmente errônea e fora dos padrões aceitos pelos órgãos fiscalizadores.


Desde o princípio da criação o Prefeito Pábio tem sido notificado das falhas e dos erros no processo de criação, mais mesmo assim Mossoró persistiu no erro iludindo dezenas de pais de famílias que estavam certos que iriam virar GCMs.



Pábio ao invés de fazer um concurso para a criação da instituição, que era o certo e recomendado, decidiu por conta própria aproveitar servidores concursados municipais em outras áreas, como limpeza, administrativo, dentre outras para implantar a GCM na cidade.


Conversando com alguns destes funcionários, os mesmos relatam que por diversas vezes foram alertados das irregularidades, mais acreditavam na palavra do Prefeito e muitos perderam muito do seu tempo fazendo treinamentos, cursos e gastaram com EPIs para poder exercer o cargo de GCM e agora retornaram sem ônus algum para os cargos antigos.


O TCM determinou que o Prefeito faça um novo concurso público no prazo máximo de 180 dias para suprir a necessidade de trabalho humano da instituição.


O problema do concurso público é que gera receita para os cofres públicos que já estão estourados e endividados, informações de dentro da prefeitura é que o Prefeito não tem a mínima condição de realizar este concurso e irá mais uma vez "engabelar" a população fazendo promessas e promessas da realização do concurso.

68 visualizações0 comentário